top of page

Nossos Artigos

Confira abaixo nossos artigos e postagens.

 

Para conhecer nossos cursos CLIQUE AQUI.

Acoplamento Magnético

Hoje vamos falar sobre o ACOPLAMENTO MAGNÉTICO, mas antes, gostaria de receber nosso conteúdo por email ou por whats?

Acoplamento Magnético

O acoplamento magnético é um mecanismo utilizado em bombas e outros equipamentos para transmitir energia do motor para a bomba ou outro dispositivo sem a necessidade de um eixo mecânico físico.

Esse tipo de acoplamento oferece benefícios significativos, como a eliminação do vazamento de fluidos e a separação hermética entre o motor e o equipamento bombeado.

Ele é particularmente útil quando a contenção de líquidos perigosos ou tóxicos é crucial ou quando se deseja evitar o contato direto entre os componentes internos.

O seu funcionamento básico envolve o uso de forças magnéticas para transmitir o torque do motor para o dispositivo bombeado.


O acoplamento magnético é composto por duas metades separadas por uma barreira hermética, geralmente uma parede isolante.

Cada metade é composta por ímãs permanentes alinhados de maneira oposta, criando polos magnéticos que interagem entre si.

Vejamos como um acoplamento magnético funciona:

1) Metade Interna (Acionamento):


A metade interna do acoplamento é fixada ao eixo do motor. Ela contém ímãs permanentes que geram um campo magnético.


2) Metade Externa (Conduzida):


A metade externa do acoplamento é fixada ao eixo da bomba ou do dispositivo que está sendo acionado. Ela também possui ímãs permanentes, mas com polaridade oposta à metade interna.


3) Barreira Hermética:


Entre as metades interna e externa, existe uma barreira hermética, geralmente feita de materiais não magnéticos, como cerâmica ou polímeros.

Essa barreira impede o contato direto entre as duas metades e a transferência de fluidos.

4) Transmissão de Torque:


Quando o motor é ligado e a metade interna começa a girar, o campo magnético gerado pelos ímãs permanentes interage com o campo magnético da metade externa através da barreira hermética.


Essa interação cria um acoplamento magnético, permitindo a transmissão de torque do motor para o dispositivo bombeado.


5) Operação Isolada:


Como não há conexão física entre as duas metades, não há desgaste mecânico ou contato direto. Isso também evita o vazamento de fluidos do dispositivo bombeado, o que é especialmente importante em aplicações industriais ou químicas.


6) Ajuste de Rotação:


O torque transmitido pelo acoplamento magnético dependerá das características dos ímãs e da distância entre as metades.

Esses fatores podem ser ajustados para atender aos requisitos específicos de cada aplicação.


O acoplamento magnético é uma solução eficaz para aplicações em que a contenção de fluidos e a separação hermética são essenciais.


No entanto, ele também apresenta algumas limitações, como menor eficiência energética em comparação com acoplamentos mecânicos convencionais e restrições de velocidade em determinadas situações.

Portanto, sua escolha deve ser baseada nas necessidades específicas de cada aplicação.

Fonte do vídeo: Alef



curso bomba centrifuga

66 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
loja do mecanico.png
bottom of page