top of page

Nossos Artigos

Confira abaixo nossos artigos e postagens.

 

Para conhecer nossos cursos CLIQUE AQUI.

Medidor de Vazão Eletromagnético

Hoje vamos falar sobre o MEDIDOR DE VAZÃO ELETROMAGNÉTICO que utiliza o princípio da lei de Faraday do eletromagnetismo.


Mas antes, gostaria de receber avisos sobre as nossas postagens via whats app?




Medidor de Vazão Eletromagnético


Esse princípio estabelece que, ao atravessar um campo magnético, um condutor gera uma força eletromotriz proporcional à sua velocidade, comprimento e à intensidade do campo magnético.


No caso do medidor, quando um fluido condutor atravessa um campo magnético, uma tensão elétrica é induzida e capturada pelos eletrodos.


Esta tensão é proporcional à velocidade de escoamento, à intensidade do campo magnético e ao diâmetro do tubo de medição, que representa o comprimento do condutor.


Ele é composto pelo:


👉 Tubo sensor


Feito de material isolante, com 2 bobinas externas, eletrodos diametralmente opostos e revestimento interno isolante, também chamado de “liner”.


👉 Conversor


Unidade eletrônica que alimenta as bobinas, mede a tensão nos eletrodos e realiza os cálculos de vazão e volume totalizado.


Em resumo, as bobinas criam um campo eletromagnético e os eletrodos medem a tensão gerada quando o fluido condutivo passa através desse campo​​.


O conversor então converte o sinal medido em uma leitura no display e também para as saídas, podendo ser digitais ou analógicas.


🛠 Aplicações Práticas


Devido à sua versatilidade, o medidor é amplamente utilizado em diversos segmentos, incluindo o de água, esgoto, produtos químicos homogêneos, concreto, polpa de minério, papel, celulose e líquidos heterogêneos.


A sua precisão e flexibilidade o tornam uma escolha popular.


O fluido a ser medido deve ser condutivo, com uma condutividade mínima em torno de 5 µS/cm (micro-siemens por centímetro).


Além disso, o revestimento e os eletrodos do medidor devem ser compatíveis com o fluido para assegurar a durabilidade e a precisão do dispositivo​​​​.


💡Funcionamento


O medidor mede a velocidade do fluido, calculando a vazão ao multiplicar essa velocidade pela área interna da tubulação.


Sua operação depende da constante de calibração, que é determinada por meio de comparações com padrões metrológicos e registrada no INMETRO.


Como é o caso da CONAUT, que possui laboratório de Calibração com acreditação ISO/IEC 17.025:2017 pela Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro (Cgcre), com capacidade de até 2.000 m3/h e diâmetros de até 1200 mm ou do laboratório rastreado com capacidade para até 25.000 m3/h e diâmetros de até 3.000 mm (entre os 10 maiores do mundo).

 

VANTAGENS


👍Princípio de funcionamento independente da temperatura, pressão e viscosidade.

👍Mede uma ampla gama de fluidos, de água a cimento.

👍Não causa perda de pressão no sistema.

👍Sem partes móveis, reduzindo a manutenção.

👍Capacidade de medir diferentes taxas de fluxo.


DESVANTAGENS


👎Necessita que o fluido tenha uma condutividade mínima.

👎Incrustações no sensor podem causar erros de medição.

👎Baixa condutividade do fluido pode resultar em baixa precisão e erros.


Saiba mais sobre os medidores de vazão eletromagnéticos da Conaut pelo link https://www.conaut.com.br/produtos/medidor-de-vazao/medidores-de-vazao-eletromagneticos


65 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


loja do mecanico.png
bottom of page