Uniões Rotativas Série DC

As juntas rotativas DCL e DC são adequadas para água quente (série DCL até 180 ° C, 16 bar e série DC até 250 ° C, 40 bar) e velocidades de até 1200 RPM.

As juntas rotativas da série DC também são adequadas para vapor até 250 ° C, 40 bar.

As aplicações típicas incluem sistemas de revestimento e laminação, calandras de papel, não tecido e têxteis, bem como secadores.

Quando esses conjuntos são selados, existe o perigo de funcionamento a seco no selo, o que reduz a confiabilidade e a vida útil. O sistema patenteado internacionalmente da série DC evita com sucesso este problema (EP 0806578, US 5778971).

A temperatura na área do selo mecânico é reduzida por meio de água de resfriamento para garantir o bom funcionamento das unidades. Sensores de fluxo e temperatura monitoram a operação.

Água limpa, tratada e filtrada é necessária.

VANTAGENS E CARACTERÍSTICAS:

- Vida útil consideravelmente mais longa em comparação com outras juntas rotativas.
- Maior faixa de dados de aplicação em comparação com outras juntas rotativas.
- Maior tempo de funcionamento da máquina, manutenção facilmente previsível devido ao sensor de temperatura no selo mecânico. Este sensor monitora a função do selo mecânico na junta rotativa.
- O selo mecânico é pressurizado de fora para maior confiabilidade e torque de baixo atrito.
- Uso de água de resfriamento para o sistema de resfriamento integrado.
- Um disco isolante protege o selo mecânico de poluentes abrasivos e evita a dissipação de calor do circuito de aquecimento para a área de vedação resfriada.
- Rolamentos de rolos cônicos rígidos para alta velocidade, pressão e cargas adicionais.
- Lubrificação dos mancais de rolamentos com graxa para altas temperaturas até 220 ° C, 25 bar.
- O suporte estático no rotor da versão com tubo interno giratório (versão B2) evita o desgaste neste ponto.

VANTAGENS E CARACTERÍSTICAS ESPECIAIS DA SÉRIE DC:

- Rotor de parede dupla com entreferro protege o mancal e a área de vedação de temperaturas excessivamente altas.
- A vedação do eixo em PTFE entre o vapor e o canal de condensado separa o vapor da câmara de condensado para garantir uma descarga confiável de condensado.
- Os mancais de rolamentos são lubrificados por meio de um sistema de recirculação de óleo na faixa de 220 ° C e 25 bar a 250 ° C e 40 bar.

INFORMAÇÕES TÉCNICAS:

- Rotor e alojamento da vedação em aço inoxidável.
- Partes da caixa em aço inoxidável (ferro fundido de grafite esferoidal para DCL DN 80 - DN 125).
- Conexões de carcaça em B e C para DCL DN 32 e DN 40 através de rosca direita ISO 228. Outras versões com conexões de carcaça conforme DIN 2635. Flanges de acordo com ANSI estão disponíveis.
- As conexões de caixa B e C podem ser giradas em incrementos de 8 x 45 ° cada.
- Conexão a sistema pressurizado rotativo por meio de flanges roscadas.
- O dispositivo anti-rotação pode ser girado em incrementos de 8 x 45 °.
- Conexão de abastecimento de água de resfriamento para DCL na posição 180 ° (para DC na posição 0 °), conexão de retorno de água de resfriamento na posição 0 °, Conexão com rosca fêmea de acordo com ISO 228. A posição das conexões fornecidas não deve ser alterada.
- Parafusos de purga para DN 80 - DN 125 na caixa de vedação 3 x 90 ° G 1/2.

DADOS DE APLICAÇÃO SÉRIE DCL:
- Tipos: 1 e B1
- Diâmetro Nominal (DN): de 32 a 150 mm
- Meio: Água
- Temperatura: de -10 oC a 180 oC
- Pressão Nominal (PN): de 0,8 a 16 bar
- Rotação Máxima (RPM): 1.000.000/(DNxPN)

DADOS DE APLICAÇÃO SÉRIE DC:
- Tipos: 1 e B2
- Diâmetro Nominal (DN): de 32 a 100 mm
- Meio: Água e Vapor
- Temperatura: de -10 oC a 250 oC
- Pressão Nominal (PN): de 0,8 a 40 bar
- Rotação Máxima (RPM): 1.000.000/(DNxPN)

Limites de Rotação por Diâmetro Nominal (DN):
- DN 32: 1200 RPM
- DN 40: 1000 RPM
- DN 50: 950 RPM
- DN 65: 800 RPM
- DN 80: 750 RPM
- DN 100: 650 RPM
- DN 125: 550 RPM
- DN 150: 500 RPM

Uniões Rotativas Série DC
Uniões Rotativas Série DC
Uniões Rotativas Série DC

|   © 2020 POR ENGENHARIA E CIA.   |   contato@engenhariaecia.eng.br   |

 |   Whats App (11) 95696 7808   |