top of page

Nossos Artigos

Confira abaixo nossos artigos e postagens.

 

Para conhecer nossos cursos CLIQUE AQUI.

Bomba de Lóbulos versus Bomba de Pistões Circunferenciais

Hoje vamos falar das bombas DE LÓBULOS E DE PISTÕES CIRCUNFERENCIAIS, mas antes, gostaria de receber nosso conteúdo por email ou whats?



bomba de lóbulos versus bomba de pistões circunferenciais

Essas bombas, em termos de funcionamento são bem parecidas, o movimento dos lóbulos ou pistões geram uma expansão de volume, criando assim uma condição de vácuo que facilita as aspiração do produto bombeado que é conduzido para o lado de pressão.


A pressão dessas bombas, como de toda bomba de deslocamento positivo, aumenta com o aumento da dificuldade de escoamento.


Isso que dizer que se a linha de descarga for pequena, a pressão de descarga será pequena, por outro lado, se for grande, a pressão será maior.


Isso nós conseguimos visualizar por meio de um registro na linha de descarga, a medida que ele vai sendo fechado a pressão vai subindo e o ruido da bomba também vai aumentando.


Do ponto de vista mecânico, essas duas bombas também são bem parecidas.


Os lóbulos, assim como os pistões, não tem contato um com outro. Durante a montagem, usa-se um espaçador para conferir a distância adequada.


As bombas possuem dois eixos que são sincronizados por meio de uma transmissão via engrenagens.


Cada eixo é vedado por selos mecânicos (maioria das bombas) que pode ser na versão simples, simples com flush (na norma API chama-se quench) ou duplo, conferindo algumas vantagens e desvantagens.


Selos simples são mais críticos em relação ao trabalho a seco (quando o produto ainda não chegou na bomba) o que pode ser contornado com o flush ou selo duplo. Este além de melhorar na questão de trabalho a seco, também confere maior segurança, seja de vazamento de produto químico, ou contaminação, no caso de produto com grau sanitário. A desvantagem é o custo de manutenção.


Mas afinal, quais as diferenças das bombas de lóbulos e das bombas de pistões circunferenciais.


Podemos dizer que está no formato dos "rotores", mas na prática, a principal diferença está na pressão de trabalho que costuma ser bastante diferente.


Bombas de lóbulos trabalham até 20 bar enquanto bombas de pistões circunferenciais chegam a 100 bar.


Mas alguns fabricantes chamam suas bombas de pistões circunferenciais de bombas de lóbulos, portanto, só verificando o catálogo do produto para ter certeza de qual bomba se trata.


Gostaria de conhecer melhor as bombas industriais?


Fizemos a um tempo a Semana das Bombas Industriais onde durante 12 apresentamos as principais bombas usadas na industria.


Saiba mais e inscreva-se em https://lnkd.in/dUdb7w2E

97 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


loja do mecanico.png
bottom of page